segunda-feira, 30 de agosto de 2010

E então

veio Paulo Portas e disse:

-Blá, blá, blá, a Insegurança, as PME's, o RCI...

Disse tudo aquilo que, toda a gente sabe, muita gente gosta de ouvir...
Disse tudo aquilo que qualquer político demagogo e populista aprende na cartilha dos dias.
Paulo Portas está a ver-se a perder com o novo posicionamento político do PSD. Está a ser empurrado para franjas que não deseja. Daí o aparecer com este fato feito por medida. ideologia a pedido, olhinhos nas sondagens, a tentar capitalizar os sentimentos primários de uma franja, felizmente que já curta, do eleitorado nacional.
Mais um a perder o brilho, embora, elogio lhe seja feito, não é homem que se dê por vencido.



sábado, 28 de agosto de 2010

Denuncia !!!

O orgulho de sentir

No "A nossa candeia", Ana Paula Fitas, faz-nos mercê de um, a todos os títulos, magnifico poste- mais um -  sobre o muito actual problema dos ciganos na Europa.
De inevitável leitura pela sensibilidade e humanismo que representa,
o autor deste blogue orgulha-se de fazer o presente link.
Aceda a:
http://anapaulafitas.blogspot.com/2010/08/ciganos-de-ouro-historias-e-vozes-reais.html

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Não esqecer!!!!

Mais um texto do "belo"

Vi uma vez o inverno tecendo um manto para a Morte, e logo o Verão encontrou a Natureza vestida de luto e abandonada.
Ouvi o rumor do tear do Tempo, que tecia um véu espesso para o Sol, e vi um lagarto repelente entroscado na agulha prateada da Vida.
Dessa maneira presenciei a verdade das coisas e estremeci.

Djalal Al-din Roumi
Sec.XIII - Pérsia
Rosa do Mundo - pag-678
Ed. Assaírio & Alvim

1908: do Regicídio à ascensão do Republicanismo



Mais uma belíssima publicação a não perder.

terça-feira, 24 de agosto de 2010

E o nome é.......Francisco Lopes

Francisco Lopes é o nome do cidadão apontado pelo PCP para a candidatura `a Presidência da República.
Se é importante o nome ? Não, nada !!
Podia ser este como outro qualquer; é perfeitamente indiferente !
O PCP está apostado na eleição de Cavaco à primeira volta. O que ganha com isso ?
Simples! A possibilidade de se manter permanentemente a fazer oposição a quem está no poder.É-lhe muito mais rentável.
Se acaso Cavaco nâo ganhar à primeira, então, por uma questão de decoro e a contragosto (veja-se o caso de Mário Soares) lá dará indicação de voto no que dispute a eleição. Mesmo tapando a fotografia.
O PCP não muda...nem mudará...
E ainda há quem insista na imagem mirífica de unidade à esquerda...

Afinal, quem é quem ?


"Propostas de revisão não vinculam Passos Coelho"

Então, vinculam quem ?
É este partido que querem no poder ?


Aceda a:

Dois textos a ler por quem gosta de aprender


-O republicanismo em Portugal, por Fernando Catroga
  http://jornal.publico.pt/noticia/24-08-2010/o-republicanismo-em-  portugal-20068763.htm






-Viagem aos segredos da Maçonaria
 de Miriam Assor
 com prefácio de António Arnaut
 Ed. Presslivre, SA.

sábado, 21 de agosto de 2010

Hoje, estou numa de "belo"

A saudade toma forma: pinheiros verdes
na montanha longínqua que me tapa a vista,
a flutuarem numa névoa
de lágrimas.

Saiónji Sanekane
Japão - sec.XIII
Rosa do Mundo - pag.678
Ed. Assírio & Alvim

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Comunidades islâmicas em Portugal

Pela muita consideração que me habituei a ter,devido a muitos anos de contacto, por muitos dos seus crentes, sejam xiitas, sejam sunitas, nos seus diferentes ramos, gostava que as mais altas individualidades representativas do Islamismo em Portugal tomassem uma posição pública sobre este assunto.
É importante que o façam; é fundamental que o demonstrem.

Importante demais para ignorar

Partido do Sexo australiano na corrida às eleições parlamentares

O Australian Sex Party (Partido do Sexo australiano) formado em 2008 como “uma resposta política às necessidades sexuais da Austrália do século 21,” prepara-se para as eleições federais australianas que estão marcadas para o próximo sábado, dia 21 de Agosto.

Aceda a:
http://www.ionline.pt/conteudo/74316-partido-do-sexo-australiano-na-corrida-s-eleicoes-parlamentares-video-

Por cá não é necessário !
Já por cá existem alguns que estão desejosos de ...

A beleza não está no que dizem as palavras


A beleza não está no que dizem as palavras
Mas no que dizem sem dizê-lo
Mais desejáveis são os seios entrevistos
Através das madeixas do teu cabelo


Vallana - Índia
Trad. Jorge Sousa Braga
Rosa do Mundo - pag.470
Ed-Assírio & Alvim

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Tarrafal

O Rogério da Costa Pereira, no  novíssimo blogue Pegada, sob o título " Espetem-me garfos nos olhos e rodem com força", faz alusão a um artigo de José Pedro Castanheira, no Expresso, cujo link indicamos abaixo :
"Tarrafal "não era uma prisão, mas sim um paraíso"
O referido texto tem por base um livro de José Vicente Lopes, um prestigiado jornalista e investigador cabo-verdiano, sobre a mais famosa prisão da ditadura, e revela que, no contexto africano, a Cruz Vermelha Internacional ficou espantada com as condições prisionais.Os responsáveis da Cruz Vermelha ficaram especialmente surpreendidos com "as idas semanais ao mar dos presos, as sessões de cinema, a biblioteca, as consultas ao Hospital da Praia, a possibilidade de estudar e fazer exames".
É triste ser obrigado a reconhecer que também na Cruz Vermelha nem toda a gente era recomendável.
A afirmação daria vontade de rir se o assunto não fosse trágico.
Claro que estas considerações se referem a impressões relatadas durante o período que decorreu até 1974.
Mas é importante o artigo de José Pedro Castanheira pelo que denuncia e, também, por aquilo  a que mais recentemente temos assistido.
O revisionismo da História é um campo que tem vindo a ser explorado insistentemente querendo fazer esquecer, aos mais incautos, uma verdade que incomoda ainda muita gente.
Mas como a memória existe é bom que seja reposta a realidade daquele campo prisional.
Por isso aqui deixo uma menção a um texto pungente da autoria de um dos mais destacados "tarrafalistas" - Cândido de Oliveira -.
Se não o conhecem tentem encontrá-lo e compreendam verdadeiramente o que era aquele "Paraíso".
Aceda a:
http://clix.expresso.pt//tarrafal-nao-era-uma-prisao-mas-sim-um-paraiso=f599197

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Colecção Berardo


"Tudo o que é sólido dissolve-se no ar"
e
"Para quem mora lá, o céu é lá" de Os Gémeos

Uma manhã muito bem passada no CCB.

O Pontal (II)


Depois de ouvir Marcello Rebelo de Sousa  no seu comentário domingueiro na TVI confirma-se o que já se pensava:
O discurso de Passos Coelho no Pontal não podia ter sido pior.
MRS bem tentou minorar os estragos mas não conseguiu deixar de fazer transparecer a fraquesa da comunicação do actual Presidente do PSD.
De desilusão em desilusão, Passos Coelho, caminha a passos largos para a perda total do capital de esperança que a sua eleição provocou no partido.
Aguardemos.

domingo, 15 de agosto de 2010

sábado, 14 de agosto de 2010

14.08.2010 - Apropositado


A andorinha ou Tudo é relativo

Da andorinha dificilmente se dirá
que é um animal feroz. Pelo contrário,
convêm-lhe adjectivos como grácil.

Mas a grácil andorinha abre
para o mosquito uma boca aterradora.


A.M.Pires Cabral - Resumo - a poesia em 2009 -
Ed.Assírio & Alvim

domingo, 8 de agosto de 2010

Mário Sacramento

Ao efectuar a cíclica limpeza do pó dos livros das minhas estantes veio à minha mão o "Testamento político de Mário Sacramento".
Um livro dos "tais", aqueles que compravamos já embrulhados e que se encontravam debaixo do balcão e só para alguns, nos tempos que quero esquecer que se passaram neste país e que, infelizmente, muita gente parece ignorar.
A " Carta-Testamento" de Mário Sacramento é um texto magnífico, editado pela Editorial Inova, em Março de 1973. Mário Sacramento desaparecera em 1969.
Destaco, destaca-se sempre, a sua frase final :
" Façam um Mundo melhor, ouviram ?
   Não me obriguem a voltar cá ! "
Mário de Sacramento, médico, escritor, crítico,  lutador antifascista, uma referência para Aveiro e para o País, esteve na génese dos Congressos Republicanos de Aveiro que tanto contribuiram para a formação dos homens e dos jovens daquela época e para o estabelecimento de verdadeiras pontes de convergência na Oposição Democrática ao regime de Salazar-Caetano.
Uma referência algo esquecida e que é justo recordar.

Garcia Pereira, no Antes Pelo Contrário


Vale a pena rever e re-pensar.

Garcia Pereira é completamente insuspeito na análise deste assunto.
(Agradecimentos ao Paulo Ferreira)

Garcia Pereira



Vale a pena rever e re-pensar.
Garcia Pereira é completamente insuspeito na análise deste assunto.
(Agradecimentos ao Paulo Ferreira)

sábado, 7 de agosto de 2010

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Afinal, continua vivo e bem vivo...

A última sondagem, que apresentamos no link abaixo, vem confirmar o que há muito se havia compreendido.
Apesar do festival de calúnias, ataques e outras malfeitorias, o actual Primeiro Ministro não é homem que se deixe abater e, muito antes pelo contrário, tem uma força anímica invejável que a maioria dos portugueses aprecia.
Ao contrário de outros, é um homem que não foje e dá a cara; está sempre presente nos bons e nos maus momentos; não enjeita o combate seja ele no confronto das políticas do seu governo seja na sua  defesa enquanto cidadão.
Tem coragem que sobra, quer física quer psicológica, face ao desbragamento dos ataques insidiosos que lhe têm sido movidos e os portugueses gostam disso; não desejam o retorno a "gelatinas" nem "prima.donas" que se acobardam .
E isso está à vista.
Apesar de todas as medidas impopulares, dos apertos, das campanhas de ataque ao seu carácter enquanto homem e político, o actual Primeiro Ministro, mantem um imenso capital de esperança por parte do eleitorado, conhecedor das suas virtudes e defeitos mas, e fundamentalmente, apreciador dos seus méritos.
Já davam o homem como morto - vejam as considerações de Marcello R. Sousa e de muitos apaniguados do PSD e CDS - mas o homem é difícil de matar. Pelos vistos, outras figuras existem que, pela sua inconsistência política, são mais facilmente desmontáveis e aparecem agora aos olhos do eleitorado como produtos de uma publicidade bem equacionada mas, porque sem os fundamentos necessários, em pequeno espaço de tempo se desgastam e perdem o seu pequeno capital acumulado, malgrado todo o investimento que foi feito na sua promoção.
Mas nada disto é novidade. Na hora de decidir, os povos sabem bem a quem entregar a responsabilidade de os representar.
Esperemos os próximos capítulos para se observar se esta evolução se confirma.

Acesa a:
http://aeiou.expresso.pt/ps-volta-a-aproximar-se-do-psd=f597854

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Mário Bettencourt Resendes

Uma perda muito grande para o Jornalismo em Portugal.
Um dos comentadores mais dignos e equilibrado nas suas análises e que dava gosto ouvir.
Impunha-se pela qualidade e sensatez.
Numa altura em que tanto se fala de independência da CS desaparece um vulto que se destacava pela sua isenção muito embora lhe fossem conhecidas as suas tendências políticas.
Vai fazer muitíssima falta tanto nos jornais como, e sobretudo, nos comentários televisivos.
Uma figura que vai ficar na memória de todos.

domingo, 1 de agosto de 2010

Vila Ventura


No passado dia 30 de Julho comemoraram-se os 100 anos da Vila Ventura.
A grande maoria das pessoas não saberá do que estou a falar. É natural. Este casarão centenário, votado ao despreso, ao lado da sua irmã gémea em arquitectura, a Vila Ana, situa-se na freguesia de Benfica, a pouca distância das velhas Portas com o mesmo nome e que assinalam o fim do concelho de Lisboa.
Então porquê esta referência ?
Apenas pela razão de se estar a falar de património municipal lisboeta e as referidas Vilas merecerm ser preservadas.
Chamo aqui à colacção o um excerto de uma entrevista de João António Lamas e que sobre o assunto dizia:

Essas duas casas são curiosas pela singularidade, no fundo são das chamadas 'Casas do Brasileiro'. E por isso mesmo estão actualmente 'tombadas' como dizem no Brasil, estão consideradas como imóveis de interesse municipal, não podem ser deitadas abaixo... podem ser deitadas abaixo no interior, mas exteriormente têm que ficar com aquele mesmo aspecto. Justamente por serem 'Casas do Brasileiro', representativas de uma época e de um tipo de construção muito característico naquela altura, um quase chalet, porque a época é quase coincidente com a dos célebres chalets franceses. E as casas do brasileiro são quase todas nesse género.

E então, como é um par simétrico... par que não foram construídas exactamente gémeas... Eu tenho uma fotografia... nem sei onde, tenho-a para ali... inclusivamente duas fotografias antigas, em que numa delas se vê ainda só uma das casas e depois noutra fotografia já se vêem as duas. Fotografias da época da construção portanto (...)"


Entrevista a João António Lamas (realizada a 17/03/08
 
Pois, mas ao que parece, as Vilas estavam quase de papel passado para a demolição. Infelizmente não existe grande fronteira entre classificação e demolição.
Mas perante a situação que se estava a criar e a degradação e ruína das construções, dinamizado por uma residente na freguesia, a Drª. Alexandra Carvalho, surgiu um movimento informal
 


http://retalhosdebemfica.blogspot.com/2010/01/convite-movimento-informal-de.html 
 
assim como, posteriormente, uma petição popular com vista à preservção das Vilas
 
http://retalhosdebemfica.blogspot.com/2010/03/peticao-pela-preservacao-da-vila-ana-e.html
 
Todo o trabalho desenvolvido tem dado os seus frutos e parece, eu digo bem, parece, que a preservação das Vilas Ana e Ventura estará assegurada.
Mencionei acima dois links importantes para se comprender todo o processo e que poderão consultar para se inteirarem devidamente dos passos que têm sido seguidos.
 
Mas voltando ao dia 30.07.
 


http://retalhosdebemfica.blogspot.com/2010/07/convite-festa-dos-100-anos-da-vila.html
 
Fez-se uma festa bastante participada por moradores da zona na muito velhinha escola primária, agora entregue ao Clube de Futebol Benfica - o velho Fófó - por enquanto e enquanto a boavontade camarária persistir.
Assinalou-se com a possível dignidade o centenário da construção da Vila Ventura. Falou-se de património e pediu-se empenho aos "vizinhos" - palavra quase esquecida nesta grande cidade - para as lutas que ainda têm de ser encetadas para a manutenção do ainda restante património e que ainda não foi violentado pela fúria das empresas de construção em transformar o que de arquitectónico tem valor , história e cultura por mais uns quantos caixotes de vidro e alumínio, forma actualizada de engavetamento dos habitantes da capital ou de serviços.
Como a noite estava boa, muitos passantes paravam para ouvir, liam os cartazes exteriores, comentavam, e seguiam o seu caminho.
Pois foi numa dessas situações que ouvi um comentário que demonstra  bem o monumental trabalho que tem de ser feito para levar as pessoas a acreditar que podem fazer algo pela zona onde vivem, o que significa também, por si próprias.
Um dos transeuntes, parando junto a um dos cartazes, lendo-o em voz alta para que a companheira ouvisse comentou no final:
Está bem! Isto não serve para nada! Se tiverem que ir a baixo vão e vão mesmo...
Pensei para os meus botões:
Dá Deus nozes...
Aquele senhor não compreendeu, não compreende nem nunca irá compreender o significado do que ali se passava nem os motivos porque toda aquela gente ali reunia.
Aquele senhor é, na realidade, um dos melhores aliados da empresa imobiliária que deixou as Vilas chegarem ao estado de degradação e ruína a que chegaram.
Aquele senhor é um exemplo acabado da falta de sentido cívico e de cidadania quer nacional quer autárquica que infelizmente pulula a olhos vistos por este nosso Portugal.
Não espero, é claro, que le venha ler este poste. Também, certamente, o não entenderia. Escrevo-o , sim, para os demais que por desconhecimento ou falta de atenção não tomam conhecimento e partido nestes temas tão importantes para a nossa vida enquanto lisboetas, e não só.
Não posso deixar de mencionar com letras maiúsculas o nome da principal responsável por todo este movimento, a DRª. ALEXANDRA CARVALHO, por todo o imenso trabalho e dedicação, com o prejuizo da sua própria vida pessoal, mas que é para todos nós um exemplo,  que o tal senhor acima mencionado, devia ter em pensamento para recordar aos filhos ou aos netos. 
 
Não deixe de aceder a:
http://retalhosdebemfica.blogspot.com//
É um blogue que se preocupa, e só, com a freguesia de Benfica.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...