quinta-feira, 31 de julho de 2008

A dessacralização do sagrado

Pintura de Max Ernst
"A virgem santa castigando o menino Jesus perante três testemunhas"-1926
Óleo sobre tela
Ludwig Museum, Colónia, Alemanha
Gravura editada pela Editorial Estampa
em "Compreender a pintura"
de Alexander Sturgis


Um espanto!
A humanização de figuras, para muitos, sagradas.

quarta-feira, 30 de julho de 2008

Negócios da Semana- Sic-Notícias

Que belíssima entrevista de Almerindo Marques - ESTRADAS DE PORTUGAL.
A simplicidade ao serviço de uma boa informação e do esclarecimento público.

Mais uma vez aquele Canal marcou pontos.

Coisas más do dia

A primeira página do Jornal 24 Horas.
"Pai de Rui Costa foi operado à próstata"
É um nojo e um abuso dos direitos individuais do cidadão.

Coisas boas do dia

"O spleen de Paris" de Charles Baudelaire
Ed. Biblioteca de Editores Independentes

É um prazer de leitura!
(Atenção Mlee!)

terça-feira, 29 de julho de 2008

Ocasião/ Releitura

Poema de Rainer Maria Rilke
"Livro das Imagens"
Ed. Relógio d'Água
Pag.95

Da Sic-Notícias digo bem mas também digo mal

Já não há pachorra para os frente-a-frente do Jornal das 9, principalmente quando lá se encontram duas galinas , e ainda por cima, de extremo-a-extremo.
O Mário Crespo habituou-nos a melhor, muito melhor....

segunda-feira, 28 de julho de 2008

5,5 anos de prisão efectiva para indivíduo que baleou vizinhos por acreditar que lhe sodomizaram o gato

Eu ando com vontade de chorar, mas com uma notícia destas já não sei bem o que fazer...
Em princípio ri-me mas depois, na verdade, só me deu vontade de chorar...
Só falta dizer que o gato depôs na PJ e foi ouvido pelo Ministério Público para memória futúra.
E se os gatos têm memória....

domingo, 27 de julho de 2008

Alberto João Jardim

Mais uma vez, no Chão da Lagoa, não se esqueceu de falar para o espelho, só que, como já é habitual se esqueceu de tomar os comprimidos e viu reflectido não a sua figura mas a do 1º. Ministro...

Será do Acordo Ortográfico?


Fiquei contentíssimo, que nesta saga portuguesa de evoluir na Ciência, se tenha descoberto, no Hospital de Santa Maria, que o ser humano não tem PULMÕES mas sim POLMÕES.
Para que acreditem junta-se fotografia.
A não ser que seja já um efeito do Acordo Ortográfico ou será OrtUgráfico ??

Grande corrupção está a aumentar, diz Cravinho

É extraordinário, malgrado a estima e bom conceito em que sempre tive o Dr. João Cravinho, que só agora, que está bem sentado, mas fora dos canais de poder nacionais, venha levantar problemas sobre a corrupção quando, tendo sido amiudadamente governante, e poderoso, nunca tenha falado de tais situações.
Sabe-se que tentou fazer passar na AR uma lei sobre o assunto, mas não foi seguido. Perdeu. É a democracia parlamentar, que sempre defendeu, a funcionar.
É também, pelo menos de mau gosto, as suas suspeitas de governamentalização do Tribunal de Contas, quando este é dirigido por alguém, que além de ter sido seu colega de governo, é considerada uma pessoa impoluta.
Parece mais uma luta de poder partidário que a satisfação pública de preocupações genunínas.
Tenho pena pela sua figura, muito considerada desde sempre, mas parece que os seus interesses, de momento, são outros.

sexta-feira, 25 de julho de 2008

Desculpem mas hoje estou de férias

Resolvi, hoje, meter um dia de férias. Como eu estava precisado.
Apenas me levantei cedo ( como é habitual) e saí para a rua para comprar o habitual jornal matinal que li de fio a pavio (como é costume) . Voltei a ficar bem impressionado com o belíssimo artigo da Fernanda Câncio sobre as relações Portugal/Angola, assim como com as notícias do magnifico comício do Barak Obama em Berlim.
Passado este episódio, sem grande significado, fui ter uma reunião, por sinal marcada à última hora, o que me deu até à hora de almoço.
Felizmente tinha passado uma boa manhã fora do normal.
Fui almoçar ao restaurante do costume com os amigos habituais, pelo que a seguir pude cumprir com as minhas normais obrigações familiares de uma forma calma e sem pressas.
Quando voltei para casa, por volta das cinco da tarde (o que acontece todos os dias), passei a beber a minha "begeca", como é usual , na pastelaria costumeira.
Chegado a casa, finalmente, passei pelas brasas até às 19.30 h (vá lá isto nem sempre sucede), fazendo horas para ir passear o cãozinho, que coitado, também tem as suas necessidades fisiológicas a cumprir.
Saí, calmamente, para jantar , já depois das 20 h, e dirigi-me ao restaurante que é hábito frequentar, onde estou a fazer o presente relatório.
Estou muito contente porque consegui tirar um dia de férias...e fora do comum.
É bom, de vez em quando, alterar a rotina.
Ainda há quem diga que o homem é um animal de hábitos...

quinta-feira, 24 de julho de 2008

Quadratura do círculo

Uma vez mais, um debate ameno em que dois homens inteligentes e preparados, de uma forma calma e civilizada, conseguem fazer perceber os seus pontos de vista, nem sempre ou quase raramente coincidentes.
Um bom exemplo, que a SIC-Notícias está a utilizar com outros encontros-debate que fazem a diferença face às zaragatas ou aos comentaristas solitários noutros canais.
100% mais actuantes que todas as "opiniões públicas" e " antenas abertas" que por aí proliferam e que na grande maioria das vezes só demonstram a falta de cultura política de quem participa.
Pois, é para continuar a ver.

Reler

Criança morde cão pitbull

Até que enfim a verdadeira notícia!
O Nuno Markl já está justificado.
Parabéns ao puto brasileiro.
Com os seus 11 anos é certamente o miúdo mais célebre da escola e ninguém se vai meter com ele.

Eu tenho uma janela...

envelhecida e um pouco degradada, mas a luz ainda ainda transparece.

quarta-feira, 23 de julho de 2008

Eu adoro pessoas com coragem e convictas

(Fotografias retiradas da edição de 23.07.08 do jornal Diário de Notícias)
Eis um exemplo:
Este homem, suspeito de crimes contra a humanidade, perante as acusações, em vez de, como qualquer pessoa de bem, se apresentar à Justiça, fez apenas esta pequena mudança de aparência.
Há uma grande diferença entre homens e coisas, não há?

Deliberado ou inconsciência ?

Acreditem que me sorri muito embora tivesse pouca vontade e o fazer.
Numa situação do Mundo, tão difícil quanto o actual, com todos os seus problemas actuais, quer sociais, económicos , culturais, quer religiosos, que não são de somenos, aparecem, de vez em quando, uns maduros que nos obrigam a mostrar levemente os dentes.
Não é que eu tenha algo contra quem se diverte.
Quem, se não eu, adora um bom dichote, uma palavra a tempo, um sorriso satisfeito.
O que me espanta, na verdade, é esta capacidade inconsciente de certos grupos se poderem dedicar a coisas tão fúteis, sendo adultos, e que eu não aceitaria aos meus filhos nos seus mais tenros anos. Por uma questão de formação, é claro.
Mas ao que vem este arrazoado ?
Não se riam!
Pois bem!
Realizou-se no Japão, a 35ª. Convenção do Assobio, com 77 participantes.
Não estou a brincar, é verdade...
77 manfios ou manfias apitando ou trinando das mais diferentes formas e feitios de modo a ganhar algum.Apitando grave ou agudo, com boquinha de c..., mas deliciando os assistentes.
Claro, que é de modo a ganhar algum....
(É o assobiu , estúpido!)
Compreenderam agora porque é que eu tenho vontade de chorar?

Eu tenho uma "Luzinha"...

que aos 5 anos pintou isto...
Meu pequeno amor, como eu espero estar contigo...

terça-feira, 22 de julho de 2008

O meu vizinho do 4º. andar ofereceu-me porrada...

e eu exijo que o presidente da CML me arranje uma casa nova, fora do meu prédio e longe deste Bairro, com uma renda de Euros.4,57, caso contrário vou viver para frente da Câmara.
É que eu me sinto invulgarmente ameaçado por aquele meu vizinho, que disse que me dava uma grande tareia ou me matava.
E eu estou cheio de medo e não quero voltar para lá.
De preferência vou passar dez anos sem pagar renda, embora ela seja baixa.
Vou ter o meu Mercedes à porta e mando a minha mulher para a rua vender coisas sem pagar impostos e ainda por cima vou dizer sempre, na televisão, que sou perseguido e que a vida está muito má e que não tenho dinheiro para nada, embora tenha bom mobiliário em casa e uma televisão tipo plasma, e guarde a mercadoria a granel na mala do Mercedes. A caçadeira fica em casa guardada no guarda-fatos.
Se não me derem o que eu quero arranjo uma manifestação nacional de todos os meus parentes e amigos e outros tipos engajados, mesmo que seja ilegal, por não autorizada pelo Governo Civil.
Eu sou um perseguido e tenho todo o direito a viver...da maneira que eu quero...

Frente a frente - SIC-Notícias -22.07.08

A banalidade em potência.
Quando dois comentadores sem nada para dizer(Vicente Jorge Silva e Guilherme Silva, aliás dois madeirenses), quais dois "marretas", passam quase 15 minutos a entreter, sem se comprometer, sobre diversos assuntos sobre os quais nada tinham a acrescentar.
Pergunta:
-São remunerados pelo trabalho ?
Tristeza!
São os comentadores que vamos tendo.

Dedicatória

Para ti
.........................
as palavras com que sagro no meu peito
o quotidiano amor redescoberto.

Mundo mais limpo

Não se enganem mas até podem fazer disso um paralelo.
Não vou falar de ecologia.Vou recordar factos que tornaram a Terra mais limpa.
1. Esta madrugada soube-se da prisão do criminoso de guerra Radovan Karadzic.
Que seja julgado e punido de acordo com a lei. Que a superioridade democrática tenha para com ele a atitude que ele não teve para com os outros.
2. Morreu, ontem, Dinko Sakic, um facínora fascista croata, que dirigiu um campo de concentração conhecido como o Auschwitz dos Balcans.Desaparece, com 86 anos, cumprindo a pena de prisão a que tinha sido condenado, em 1999, após a fuga para a Argentina no final da II Guerra Mundial.
Como qualquer um da sua laia, face à queda do regime que serviu, de que foi esbirro, fugiu cobardemente.
3. O principal comando da ETA na Biscaia foi esta madrugada desmantelado.
4. Robert Mugabe iniciou a queda. Já começou a assinar acordos de partilha do poder.É o princípio de um fim anunciado.

segunda-feira, 21 de julho de 2008

Nova espera

Até já, meu amor!
Como sempre continuarei a aguardar o teu regresso.

Mas será que ele existe mesmo?

Li hoje, no Diário de Notícias, um novo artigo do João César das Neves, sob o título "Serenamente no centro do furacão", pag.10.
Será que este homem já se deu em conta que está no Sec.XXI ?
Será que este homem existe?
É que existir não é o mesmo que viver.

Será que ouvi bem?

Que alguns juizes e outros agentes da Justiça querem o veto de uma Lei, não por ela ser injusta, mas pelo aumento de trabalho que vai trazer?
Não quero crer, mas se é verdade, é mais um prego para o caixão da Justiça neste país.

domingo, 20 de julho de 2008

Natal no Darfour

É noite e as estrelas estão lá em cima.
Uma criança nasce com a morte já estampada nas faces,
como a outra.
Só que não durará trinta e três anos nem
trinta e três dias nem
trinta e três horas;
talvez trinta e três minutos ou
trinta e três segundos ou talvez já nasça morta.

É assim o Natal no Darfour
E as mesmas estrelas estão lá em cima.

sábado, 19 de julho de 2008

Revelação

Porque da árvore das horas já vão caindo as folhas
exorto-vos,
revelando as imagens que aos meus olhos surgem,
a só esperar o amanhecer.

O amanhã será dos frutos das minhas sementes
e dos frutos de todas as outras sementes
que sabem que hão-de gerar raízes.
O tempo será ciclicamente renovado
por mãos que se estendem com dedos de gavinhas
pelos homens e mulheres, árvores de fundas raízes,
que abrem os braços como os ramos
num abraço onde cabe o universo
e vivem em liberdade e – sobretudo - em igualdade,
sem angústias do passado nem da morte inevitável,
que se desprendem e rebentam com os casulos do tempo
numa metamorfose encadeada onde sempre
o fim será o início.

Será o sonho revelado nos meus olhos.
O campo lavrado para a sementeira,
terra revolta com as mãos abertas,
de braços cheios, sem jugo.
As mesmas mãos e os mesmos braços
dos mesmos homens-árvore
e das mesmas mulheres-árvore
e sempre a mesma terra-mãe
onde hão-de pousar as minhas cinzas lançadas ao vento;
porque eu quero fazer parte dessa terra de redenção
e ter a certeza, já, de que terá valido a pena e
que os meus olhos não me enganaram.

sexta-feira, 18 de julho de 2008

Quadratura do círculo

António Costa.
Uma lufada de ar fresco e de ponderação.
Quando a política pode ser apresentada de uma forma consciente e reconhecidamente sabedora dos assuntos.
A não perder às 5ªs. feiras na SIC-Notícias.

Al-Bashir será o único?

A decisão de acusar o Presidente do Sudão de Crimes contra a Humanidade é uma boa notícia.
Simplesmente, é uma boa notícia no conceito Ocidental de Justiça.
O tal senhor está-se positivamente nas tintas para a acusação porque este Conceito não tem desenvolvimentos no Mundo em que ele se situa e actua.
São problemas como estes que definem as grandes diferenças civilizacionais no Mundo de hoje.
Com os avanços da Técnica, da Ciência e da Cultura que uma grande parte da Humanidade hoje usufrui, julgar-se-ia que a grande maioria dos Homens estivessem ao abrigo dessa grande calamidade que é o desrespeito pelos Direitos Humanos e que engloba, fundamentalmente, toda a actividade dos Povos do Mundo.
O sr. Al-Bashir é um malandro para nós, um herói talvez para os seus e para os muitos que o rodeiam e apoiam no seu circulo de ideias.
Aqui se levantam outros problemas:
-Porque o apoiam? Qual a razão?
Pois a razão fundamental é a do maior cancro ideológico que persiste hoje em dia, malgrado os avanços, inclusive, da Religão.
O sr. Al-Bashir faz o que faz porque tem atrás dele, sem condenação, razões religiosas.
E aí se divide o Mundo!
E até entre nós.
Chamam-se eles o que se chamarem, desde que sejam fundamentalistas e esses, infelizmente existem também na nossa sociedade ocidental e são cristãos, e para espanto de muita gente, até são católicos.
A grande maioria dos ditadores ocidentais do último século eram manifestamente cristãos, e muitos, católicos, e espante-se de Comunhão.
Claro que aí, quem corria o risco fundamental de denegação da pureza do ideário, eram os padres que lha facultavam.
Por isso, jubilando com a atitude do TPI não posso deixar de dizer que há mais, e até e principalmente, porque a defesa dos Direitos Humanos é feita no Ocidente.
São desrespeitadores dos Direitos Humanos os patrocinadores de guerras injustas, de detenções arbitrárias e métodos de tortura para a obtenção de confissões.E aqui, custe o que custar a nós e a outros, temos que os chamar pelos nomes:
Que nunca ninguém se esqueça da Cimeira dos Açores.
Muito do que passamos hoje, até economicamente, provém daí.
Será que o TPI tem a coragem de os acusar?
E são todos cristãos praticantes, ao que se sabe.

Renascer




Abriram-se-me nos olhos duas manhãs
que agora sinto pena do anoitecer.

Parabéns Mandela !

Existem exemplos que nos fazem acreditar.

quinta-feira, 17 de julho de 2008

Coisas de que não ouço protestos

1,8 Milhões de Euros /ano
O novo reforço do Benfica vem ganhar, por mês, mais do que 30 deputados da Nação.
Mais do que o Presidente da República, o Primeiro Ministro e todos os Ministros juntos.
Mais do que a grande maioria dos grandes gestores do País.
Mais do que quantos funcionários públicos ?

O exemplo das árvores



Seja qual for o destino
do voo das tuas mãos
lembra-te
e pensa maduramente
no exemplo das árvores.

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Casa dos Bicos vai ser cedida à Fundação José Saramago

Ora aí está uma boa utilização de um património (aliás quase abandonado) em benefício de outro património(José Saramago felizmente é português).
Fico muito satisfeito e só tenho de dar os parabéns à Câmara Municipal de Lisboa.
Uma observação apenas:
-Não acham que deveriam convidar o Dr. Cavaco, o Santana Lopes e o Sousa Lara para a inauguração?

Anónimos

Lembra-te das abelhas,
do seu voo de cera e açúcar,
que terçam dardos
se o perigo se aproxima.

Em nome do sol que protegem
desconhecem a indiferença.
Nunca se relembra o seu nome..

Culpa!

Palavra tenebrosa!

Sem nome

Esta árvore
bebe a seiva do egoismo
porque enraizada em terra chula.

Terra podre
onde nada mais nascerá
apenas resistirão ramos retorcidos
onde poisam necrófagos.

terça-feira, 15 de julho de 2008

Neste momento, a realidade

Para que conste. e para evitar falsas leituras, nesta fase da vida do Mundo, considerando que os conceitos nos enformam, e muitas vezes nos deformam, afirmo perentóriamente que, com o maior respeito por quem pensa o contrário, seguirei o caminho da construção de vias reais e não as de utopias que neste momento, tão difícil, não cabem.

Sentimento

O muito que sinto não tem imagem
nem forma mas tem peso
agrilhoa-me o peito
incomoda-me mesmo
quase sempre magoa.

segunda-feira, 14 de julho de 2008

OPS!/Carvalho da Silva

Este meu terrível sentido de Liberdade obriga-me a perguntar a alguns dos meus amigos se:
-Antes de começarem a discutir os problemas da nova Lei do Trabalho se perguntaram a Carvalho da Silva, objectivamente membro do Partido Comunista, o que pensava acerca das FARC:
-São ou não uma organização narco-terrorista?
A partir do momento em que me responda objectivamente que SIM, converso com ele, se vacilar, nem mais uma palavra.
Coisas da Liberdade que eu preservo.

Uma pergunta pertinente

Quantas pessoas, com idade para tal, evidentemente, se recordam da polémica sobre a Unicidade Sindical e daquele brilhante comício, no Pavilhão dos Desportos, liderado pelo saudoso Salgado Zenha?

É uma pergunta que não ofende mas, se calhar, esclarece.

Coerências...

video

Então Drª. Manuela e as continhas

Ao ler as notícias sobre os encargos para o Estado com a operação com o Citigroup efectuada pela Ministra das Finanças, Drª. Manuela Ferreira Leite, no ido governo do fugidio Dr. Durão Barroso, faz-me recordar aquela entrevista do outro dia na TVI em que a mesma Senhora exigia, ao Governo actual, as contas dos empreendimentos públicos futuros.
Então, por coerência, falemos do Citigroup, Srª. Drª.
Recordo-me que ao tempo as contas nunca foram apresentadas na sua exactidão, e hoje vê-se onde está a razão para tal facto.
Na altura o déficit português foi mantido abaixo dos 3% devido àquele estratagema.Mas os custos que implicou e que não foram devidamente publicitados estão agora a ser conhecidos.
Encargos futuros para as gerações que aí vêem.
Coerências Drª: Manuela. Coerências...

Lamento

És incapaz de me escutar
e de olhar por mim
mesmo que o teu corpo ainda amanheça
ou que no meu,
ainda esvoassem gaivotas
aturdidas pela espuma branca das ondas.

Tens a certeza de todo o meu amor!

E é nesse limbo que ficarei
apesar dos gritos das entranhas
apesar de toda a tua indiferença.

sábado, 12 de julho de 2008

O beijo

O meu amor deu-me um beijo
e nasceu um rio de madrugadas
que desaguaram sobre o peito.

Um renascer
em que se adormece ao sol do sonho
deitados de costas no chão
respirando o hálito fesco da terra ainda húmida.

Bendito campo
pobre de terra mas cheio de vida
que acena aos pássaros com as suas mãos de espiga
e agradece às raizes o dom da seiva.

Hoje,
os rios libertam as sereias
e o seu canto de harpa mágica
e as colinas rasgam o céu
com a força desmedida da terra-mãe.

O meu amor está em festa
cumpre-se a vida na colmeia
renasce o sol
e quere-se a lua.

MIPA - Von Portugal mit Liebe

12. Juli

Jahrestag der Filipa

Ihnen meine liebe alle meine Widmung.
Dass das Leben, das Sie geben alles.
Und nicht zu vergessen unser Geheimnis:
Sobald ein Blick auf die nächtlichen Himmel ...

Kiss sehr groß.


(IHIHIHIH!!!!como o fiz, por agora é segredo...)

Paizinho

sexta-feira, 11 de julho de 2008

Aos meus amigos da Tertúlia

Acham que, perante as queixas que apresentam, o melhor caminho é estar ausente.
Nada tenho a ver directamente com o assunto, que é de alguns de Vós, mas para haver coerência...

Poema contigo

É bom saber que estás por perto
embora das tuas mãos não brotem gestos solares
nem da tua boca surjam rumores de mel.

Mas é bom olhar e sentir que estás
porque a tua ausência seria a amargura nos dias
e as noites um túnel de insónia.

Por mais que te sinta transparente
não posso esquecer o tempo
em que dávamos de comer à ave dos sonhos.

E que da nossa árvore brotou seiva,
que nasceram risos e cairam lágrimas
e se levantaram manhãs que nos justificaram.

Por mais que pressinta o desentrelaçar dos nossos ramos
eu sei que seguiremos sempre resguardando os frutos
até que a árvore se consuma.

Sobre o Estado da Nação

Pois é!
Continuamos a ter unicamente um político preparado para estes debates, e esse é o Primeiro Ministro.
É pouco, muito pouco, e sobretudo triste, muito triste.

quinta-feira, 10 de julho de 2008

Joaquim Aguiar já a 1º. Ministro

Eu adorava que, como em qualquer jogo da Majora, se pudesse por artes de pirlimpimpim fazer de um comentador maldizente, muito querido dos média, mas que ninguém em termos públicos conhece por ter feito qualquer coisa pelo país, fosse nomeado coercivamente Primeiro Ministro.
Gostava até que ele levasse como Ministro das Finanças o Dr. Medina Carreira, como Ministro da Presidência o Dr. Vasco Pulido Valente e como Ministro da Economia o Dr. António Barreto.
Como Ministro da Agricultura podia ir o Dr. Paulo Portas, deve adorar horticultura, etc., para não me divertir mais.
É que estes Senhores, que toda a gente conhece, por estarem ameúdadamente nos écrans de televisão, mas que todos desconhecem no trabalho dirigido a favor da comunidade, e parafraseando os Gato Fedorento, só falam , falam, falam, e......................
Tenhamos senso.
Pior que não trabalhar é não fazer nada. Pior do que falar é não dizer nada de nada.
Se todos os que fazem comentários tivessem que pagar imposto pelo que dizem o déficit português já estava resolvido.
Incluindo eu....

Ausência

Nasce a saudade no abrir dos braços
e a ave da angústia que esvoaça no vazio
faz o ninho no meio do peito.

A tua ausência é uma planta de cacto.
Perene,
trespassa-me em tropismos que dilaceram.

As sete partidas - Poema de Manuel Alegre

Não vale a pena falar da linguagem límpida e transparente.Seria um lugar comum.
Quanto ao tema:
Lemos ali um percurso da Esperança à Descrença.
Será só do Infante D. Pedro ou também do Poeta?

Re(a)cordar

Ao anoitecer,
quando os homens, como os pássaros,
se despenham nas suas árvores
o cheiro primaveril das flores roxas,
aponta para uma outra vereda.

Um de novo encher o peito,
um recobrar primário dos sentidos
poluídos nos caminhos entre os espelhos,
entre as mãos e os olhos
e pelo esquadrinhar dos desejos.

Só depois,
o submergir no mar do sono,
numa calma sem fantasmas.

OK, Mano, 2x33...

Julgavas que não dava publicidade ao assunto ? Querias!!!!
Um abraço muito grande,
e o melhor da Vida para ti.

quarta-feira, 9 de julho de 2008

terça-feira, 8 de julho de 2008

Certeza

Até amanhã!
Tenho a certeza de que estarás comigo.
Mesmo que desaparecesses, hoje, ao fim do dia,
amanhã estarias comigo, dentro de mim.

Senadores e outros Senhores

Eu, que sou um rapazinho já na casa dos sessenta, tenho o gosto, e isso ainda posso dize-lo, de me poder recordar da existência de homens/mulheres políticos com a inteireza e consistência moral e política necessárias para serem considerados como proclamados dirigentes políticos e não como responsáveis de clubes desportivos da política.
E, meus Senhores, eram diferentes.
Como sou do tempo a que o Continente hoje faz publicidade, no que respeita ao açúcar, arroz e massas, também o sou dos homens e das mulheres que se punham em causa, e aos seus, com a sua actividade política.E se era difícil e tinha consequências.
É por isso que , hoje em dia, muito embora possa divergir ou não estar totalmente de acordo com as posições de alguns, não deixo de os considerar pessoas inteiras e com declarado valor político e social.
Serve este intróito para recordar pessoas que conheci (aprendi a ver)na minha juventude, felizmente ainda vivas algumas, como o Dr. Adriano Moreira, o Dr. Mário Soares, O Dr.Emídio Guerreiro, etc.
Pessoas a quem não era necessário, nem é, de chamar de Professores para se saber que o são, nem a quem era necessário aparecer em revistas populares para serem mundialmente conhecidas.
Homens como estes, e felizmente mais existem neste país de invejosos, nunca necessitaram de televisões para se afirmarem politica e publicamente, nem de andarem pelas feiras a dar beijinhos nas criancinhas.
Não é o que se passa hoje na comunicação social, seja ela escrita , visual ou radiofónica.
A grande maioria não é conhecida pelos seus actos políticos nem, e o que era mais importante ainda, pelo seu trabalho enquanto governantes.
Daí que faça, no título, a diferença entre Senadores e outros Senhores.
Todos me merecem o maior respeito enquanto cidadãos.Nem todos me o merecem, contudo, enquanto políticos.
Mas dir-me-ão:
-Não existem hoje valores capazes de vir a ombrear com esses homens do passado?
-Existem sim senhor!
Mas não certamente aqueles que são promovidos publicamente e de forma única pela Comunicação Social de conluio com os directórios partidários ou, maldosamente, dos clubes desportivos partidários.
Senadores, meus Senhores, serão homens de estado e com provas dadas.
O resto, e como diz o Povo...é conversa...

segunda-feira, 7 de julho de 2008

MGM-Hollywood manda agente a Portugal

Segundo as mais "fidedignas" informações dos "mentideros" a MGM vai mandar um agente a Portugal para contratar o Dr. Gilberto Madaíl para um papel no próximo filme a produzir por aqueles estúdios.
A estrondosa " perfomance" do Senhor na Direcção da FPF, levou os estúdios americanos a considerar que seria o melhor interprete para a nova fita sobre o "Homem Invisível".
Anteriormente já tinham posto uma hipótese de contratação do Senhor para um papel na "Academia de Polícia-CCCXXXVIII", como adjunto do Sargento, aquele que se escondia sempre por trás do homem, mas com a saída de cena do actor principal, o Sargento, o assunto não teve seguimento.
Esperam-se novos desenvolvimentos sobre o assunto, não pondo os estúdios de lado a hipótese do referido Senhor vir a ser contratado para o "remake" dos 10 Mandamentos, em que fará o papel de sarça luminosa no cimo do Monte sinai.

Os rios subterrâneos da Av. da Liberdade em Lisboa


Tive hoje um almoço de tertúlia em que diversos amigos se juntam para discutir/conversar sobre os mais diferentes temas.
Desta vez, o mais interessante do encontro, foi um esclarecimento, feito por quem sabe, sobre aquilo que é um mito para a maioria dos lisboetas:Os rios subterrâneos da Avenida da Liberdade.
Uma explicação técnica simples, com palavras comuns, ensinou-nos que, pura e simplesmente, NÃO EXISTEM.
E esta Hem...?
Não existem?
Pois não! E desta vez fiquei completamente convencido !
Mais um mito que foi à vida.
Adoro acabar com mitos...
É claro que não sou a pessoa indicada para o explicar mas, se necessário, promoverei a explicação.

Frente a um cavalete transparente

Pega na tua paleta e mistura todas as tuas cores.
Do resultado, apenas tu, tens a total compreensão.
Se tiveres coragem, pinta-te e assina.
Poderás não ser um artista...mas és tu assumidamente!

domingo, 6 de julho de 2008

Ter a sorte de te /vos ter

Com gente como tu/vocês é impossível pensar que se pode ficar sozinho ou desamparado na Vida.
Felizmente que tu/vocês existem e fazem parte do meu Mundo e do Mundo dos meus.
Que sorte tenho em te/vos ter. Que feliz sou por te/vos amar.

Uff! que alívio...

Hoje de manhã fiquei completamente descansado ao tomar conhecimento da notícia mais importante dos últimos dias e que me veio tirar de cima uma tremenda angústia que me atormentava devido à ignorância em que era mantido.
Afinal a Sic-Notícias não se esqueceu!
Era importante demais para não fazer uma discussão formal e atempada do assunto.
Fiquem a saber, e descansados, que a Sic-Notícias vai fazer um debate, certamente à semelhança do sobre o "Estado da Nação "na AR, sobre o "Estado do Futebol em Portugal".
E eu que estava a temer que não avançassem nada sobre este importantíssimo problema nacional.
Felizmente, enganei-me!
Uff! que alívio...
............................................
Ao que nós chegámos, Senhores!...

Recriação

A magnífica sensação de nos acharmos capazes...

sábado, 5 de julho de 2008

Mugabe e outros malandros

...e o que mais me irrita é que este malandro, da mesma forma que outros ditadores torcionários, sejam eles europeus, africanos ou asiáticos, vai morrer na sua boa caminha, nos melhores lençóis, com a sua familiazinha bem enriquecida, enquanto os povos que esturquiram e violentaram continuam a sofrer as suas malfeitorias.
Por vezes lastimo esta minha incapacidade de poder aceitar que até há tiros bons e que a pena de morte é legítima, mas que há tipos que mereciam não morrer na sua caminha, isso há.
Claro que se dirá, e eu aceito plenamente, que para estes casos está lá o Tribunal Penal de Haia. Pois é, mas com estas idades (oitentas e tais, pouco menos ou pouco mais), nunca sentirão o peso do castigo pela indignidade das suas vidas.

Pe.Anselmo Borges-A hermenêutica feminista

Que belíssimo texto sobre o assunto acima, assinado pelo Padre Anselmo Borges, publicado no DN de hoje.
Como com palavras tão simples se consegue tornar intelegíveis assuntos que normalmente são camuflados por retóricas superfluas e dedicadas não a esclarecer mas a tornar mais obscuros.
Vale bem uma leitura atenta tanto por homens como por mulheres.Fundamentalmente para os crentes.

José Saramago, o Avante e as FARC

Obrigado, José!
Ainda existem comunistas por quem tenho consideração.

A função

Em conversa com amigos foi-me perguntado o que pretendia eu com a edição do meu blog. Se estava interessado, apenas, em dar a conhecer os meus pontos de vista sobre certos assuntos ou se o entendia como generalista, se me conseguiria desengajar das minhas ideias políticas e morais e tentar ser apenas crítico. Se o desjava apenas familiar ou global.
Pois bem, para mim, a função deste blog é fundamentalmente de crítica, que se quere honesta e desapaixonada, de apresentação de realizações pessoais, nas quais encontre mérito para tal, e também, se não principalmente, chamar a atenção para factos e ideias que considero passiveis de apreciação, e em muitos casos, fazendo apenas a menção e deixando ao leitor a tarefa de ir em busca do assunto.
É claro que aparecerão, certamente, indicações de natureza mais íntima, na recordação de pessoas, no desbafo sobre coisas da vida, etc.
Espero que consiga a função desejada.A conclusão tirá-la--ei, obrigatóriamente, daqui a algum tempo.

sexta-feira, 4 de julho de 2008

Assembleia da República- Bernardino Soares

A minha completa impossibilidade de perder o respeito por outro ser humano, impede-me de tratar com palavras condignas a intervenção do deputado acima, aquando do voto sobre a libertação de Ingrid Bettancourt.
Em tempos idos, considerei sempre os camaradas do PCP como companheiros de uma viagem que, com as devidas diferenças, nos conduzia à Liberdade. Tive, posteriormente, desapontamentos e fracturas, mas nunca como hoje, e assumo-o, uma completa rotura.
Nada mais me condiciona politicamente que a LIBERDADE. E não é a minha Liberdade, nem a tua Liberdade, é a LIBERDADE de todos, em todos os seus aspectos.
Por isso, Unidade, Aliança, etc., comigo nunca mais!
Eu sei que não sou ninguém, nem valho nada politicamente, mas é grave, porque sou mais um.

Fernanda Câncio

Porque será que eu gosto de ler os artigos da Fernanda Câncio?
Se calhar pelo equilíbrio, pela forma justa como apresenta os problemas, pela boa escrita e por não se esconder atrás das palavras.
Talvez pelas mesmas razões de que gosto de outras mulheres da informação como a Ana Lourenço, a Judite de Sousa e até a Maria Flôr Pedroso malgrado, esta última, o frete que é obrigada a fazer aos Domingos à noite e ter de aturar, também só porque quere, diga-se, as diatribes humorísticas de Marcelo Rebelo de Sousa.
Mas Fernanda Câncio, mesmo afrontada pela maledicência de certos esbirros , consegue manter a verticalidade e a veracidade de uma verdadeira jornalista.
Bem haja por isso.E é uma das razões porque ainda compro o DN às 6ªs. feiras.

quinta-feira, 3 de julho de 2008

Medina Carreira - Já não há pachorra!

Sempre o considerei uma homem competente e uma voz a escutar.
Lastimo que seja, hoje, um bom representante do Clube da Má Língua, sem tento nem discernimento para se fazer entender.
A sua posição de "NÓS OS SÁBIOS IRREFUTÁVEIS" não auxilia em nada as suas preocupações,e antes pelo contrário, lançam-no no ridículo com a agravante de parecer magoado com quem lhe não deu a importância a que ele próprio se achava no direito.
Mais!
O Dr. Medina Carreira foi Ministro das Finanças.
Que marca deixou ele no Ministério e nas Finanças Portuguesas?
Que contribuiu ele, que se veja, para a saúde das Finanças do Estado Português?
Ninguém se lembra, ninguém sabe, só a SIC-Notícias e o PRÓS E CONTRAS...
Ele passou a dizer mal de tudo a partir do momento em que o Engº. Guterres meteu o seu "Livro Branco" na gaveta(até se demitiu do partido em que militava).
Parece um amargurado e assim morrerá.

Fátima

Até Fernando Pessoa...

Chocantes

A declarações de hoje de Miguel Urbano Rodrigues sobre as FARC e a libertação de Ingrid Bettancourt.

Geburtstag


Faz hoje 5 anos que voltei a ser muito feliz.
Parabéns Joana!
Que a Vida te seja boa.

quarta-feira, 2 de julho de 2008

A entrevista

Perante o ouvido ontem na entrevista de Manuela Ferreira Leite não tenho dúvidas de que dentro de 6 meses há um novo congresso do PSD.

Amanhã será um dia novo...

Que difícil não se poder expressar o que se sente!
Que difícil não poder dizer não, quando a vontade é dizer NÃO!!!
Que difícil é querer partir à procura e não poder.
Que difícil é querer ficar e não conseguir.
Que difícil é chegar a meio a pensar que se chegou ao fim.
É tão difícil tornar tudo isto fácil.
Seria tudo tão fácil se ...

terça-feira, 1 de julho de 2008

Século XXI - Se o ridículo matasse...


O Senhor Bento Quinze Mais Um continua a dar aso a boas notícias e boas práticas.
Segundo o Osservatore Romano "o Papa não usa Prada usa Cristo".
E eu a julgar que o pobre do Jesus, figura pela qual tenho um imenso carinho e cujos ensinamentos morais sigo, conforme fui educado, embora não o confunda com uma religião que não sigo e na qual não acredito, nessa ou noutra qualquer, tinha sido o filho de um pobre carpinteiro, que espalhou amor por todos os que se cruzaram com ele, afinal era um desiner de moda no tempo do império romano, especialista em calçado.
O Sr. Bento não usa Prada usa Cristo!...
O "Camauro" teve a sua última aparição nos anos 60 com o bom Papa João ( que saudades de um homem que dignificava a pessoa humana...).
O Sr. Bento bem podia estar em Ascott com o seu chapéu Saturno a fazer inveja às demais utilizadoras de acessórios extravagantes.
Já para não falar nas "Mozzetta" tão do seu agrado.
Têm a certeza que o sentaram na cadeira inventada após o reinado da Papisa ?
Numa época de tanta coisa que magoa cá dentro, voltar a ler que um qualquer senhor de passado duvidoso, pensa no corte e no uso do que veste, que volta a desejar o obscurantismo do latim(abandonado à quase 40 anos) e a posição subserviente de joelhos na comunhão, caída há décadas em desuso, faz-nos pensar que nem todos os homens lutam pela dignificação do Homem, mas fundamentalmente pelo regresso da Inquisição, que é algo que lhe está na massa do sangue e na formação.
Na realidade se o ridículo matasse este homem(?) há muito tinha desaparecido
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...