sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Bento XVI reitera condenação da Igreja aos contraceptivos

Se deixasse os sapatinhos vermelhos à porta da Basílica de S. Pedro e fosse ao sul do continente africano, não dentro de uma carro à prova de bala sentado num trono almofadado, mas a pé e a visitar as cubatas e as cidades populosas talvez aprendesse qualquer coisinha, e não defendesse o indefensável.
Não se pode defender a morte. E é isso que o papa Bento e os seus acólitos perante a desgraça do HIV em África e no resto do Mundo estão a promover.

3 comentários:

Mlee disse...

Esta Igreja ...

T.Mike disse...

Mlee,
apesar de tudo eu ainda faço uma distinção, ou melhor, face aos bons sou obrigado a fazê-la:
Esta igeja, não, estes homens sem humanidade. E o pior é que os piores é que a dirigem.

Anônimo disse...

Tens razao...
mipa

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...