quinta-feira, 9 de abril de 2009

Mais de 88% dos portugueses dizem-se católicos

É um número que não surpreende.
Mas o Anuário não responde ao porquê.
Porque é que 88% dos portugueses são católicos ?
São-no, como seriam muçulmanos se tivessem nascido na Arábia ou no Irão, hinduístas na Índia ou budistas na Ásia ou animistas em África.
São-no porque sim, não por escolha pessoal ponderada mas porque sim, ou na pior das razões, por aquela coisa coisa horrível que quer explicar tudo e não explica nada - a fé.
Porque já os bisavós o eram, os avós e os pais e o medo de se sentiram ostracizados pela sociedade de crendice que os rodeia.
Não fala o Anuário no número de apóstatas mas era importante, nem apresenta números por escalões etários e culturais.
Isso sim, daria uma visão mais autentica da situação do catolicismo em Portugal.
Um número estéril serve para dar ânimo aos crentes fidedignos.
Mas já agora, quantos dos 88%, cumprem as práticas exigidas ?
Não se entende, e o estudo apresenta dados com 3 anos de atraso, porque é que, então, as igrejas estão cada vez mais vazias e sacerdotes é o problema que se sabe.
Pronto, está bem, mas a igreja católica fica contente com um número grande e é bom para o prozelitismo.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...