terça-feira, 22 de junho de 2010

Quem se tramava era o mexilhão

Pois é verdade!
O Ministério do Ambiente chumbou a barragem de Padroselos por causa do mexilhão, uma espécie rara descoberta no rio Beça, em Boticas.
Claro que aqui se vão defrontar as posições de quem é a favor do mexilhão ou a favor da energia limpa produzida pela barragem ou ainda da poupança nacional face à importação de combustíveis fósseis para a obtenção dessa mesma energia.
São casos bicudos em que, vendo bem, todos têm razão e não é fácil optar.
Sabe-se que a UE proteje o mexilhão e isso é meio caminho andado para a suspensão.
Sabe-se que a UE quer francas melhorias na economia e o resultado destes projectos a isso ajudava.
Sabe-se que estes projectos iam criar emprego numa zona em grandes dificuldades e isso não é de malbaratar. Estão em jogo pessoas e famílias.
Mas pronto, salve-se o mexilhão...
Para ler a notícia completa aceda a :
http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Vida/Interior.aspx?content_id=1599592

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...