segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Na verdade

Os grandes homens vêem-se na victória e na derrota.
E tivemos, ontem, disso uns bons exemplos.
Um Presidente-recandidato vencedor com um discurso rancoroso e vazio, como é habitual; um candiadto principal que, incapaz de atingir os seus objectivos, assume a derrota e discursa de forma elevada e digna.
Depois, três candidatos que conseguem encontrar victórias onde elas não existem e por fim, e em último, um outro candiadto que assume o falhanço total da sua candiadtura e o assume.
Têm, agora, os portugueses 5 anos para pensar e constatar onde, na verdade, afinal se encontram os grandes homens...

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...