domingo, 4 de outubro de 2009

5 de Outubro de 1910 - Não há dúvida que valeu a pena


Segundo publicita o DN de hoje, o cidadão Duarte Pio de Bragança, terá afirmado:

"Se o 5 de Outubro de 1910 valeu a pena e foi positivo para o País,  porque é que foi preciso fazer o 25 de Abril ?  O 25 de Abril é a prova de que o 5 de Outubro falhou completamente."

Julgava-se que, conforme uma das teorias monárquicas,  os pretensos sucessores aos cadeirões reais, eram educados de forma a poderem vir a ser os garantes da consciência profunda e continuidade da Pátria.
Para isso eram ensinados.
No caso do cidadão acima, parece que esses ensinamentos não foram transmitidos, pois reflectem uma completa e profunda ignorância.
Se houve regime em Portugal que sempre pactuou com ditaduras foi a monarquia. Lembre-se, por exemplo, o avô do cidadão (D. Miguel I); lembre-se João Franco e porque é que D. Carlos foi assassinado.
Foi para acabar com uma ditadura, que beneficiou fortemente o cidadão Duarte Pio e a sua família (em 1950, a Assembleia Nacional decretou a abolição formal da Lei do Banimento ), que foi feito o 25 de Abril de 1974.
A influência monárquica no golpe de 28 de Maio, e as tendências monárquicas do ditador Salazar, são também razões que se podem apontar a completa falta de senso da frase do cidadão Duarte Pio.
Podem os republicanos estar descansados. Com exemplos destes o regime está e estará sempre seguro.

Adenda:
Se alguém quizer entender melhor o pensamento do cidadão Duarte Pio aceda a :
http://causamonarquica.wordpress.com/2008/01/26/dduarte-de-braganca-entrevista-horizonte-online/
Ficará elucidado.

Um comentário:

analima disse...

Pois, primeiro foi o constrangimento que sentimos, a semana que passou, ao ver que o nosso presidente da República seria chumbado a tecnologias da informação. Agora é o pretendente a um trono, que felizmente não existe, que nos mostra que não teria, certamente, positiva a história.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...